Translate this blog

Pesquisar este blog

5.11.2016

Cobertura oficial do SEHLIPA | Itanhaém 2016

SEHLIPA 2017 terá como central a competitividade no setor de viagens e turismo

Sexta edição do Seminário de Hospitalidade acontecerá em Cubatão em abril do próximo ano.

Cubatão, localizada no litoral de São Paulo, foi escolhida para sediar a sexta edição do Seminário de Hospitalidade do Litoral Paulista (SEHLIPA), evento anual e itinerante promovido pelo Professor Aristides Faria.

Faria é docente do Curso Superior de Tecnologia em Gestão de Turismo do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Estado de São Paulo (Campus Cubatão). Além das atividades de ensino, professores e alunos desenvolvem regularmente ações de pesquisa e extensão também. Assim, o Professor, elaborou o projeto de iniciação científica intitulado “Competitividade no setor de viagens e turismo: estudo de casos múltiplos no Litoral Paulista”.

O projeto, que teve início no presente mês de maio, constitui-se na indexação de indicadores sociais e econômicos que potencialmente impactam sobre a competitividade dos municípios do litoral do estado de São Paulo no turismo.

Serão emitidos boletins sobre o desempenho dos negócios do setor, bem como será elaborado clipping de notícias sobre o turismo na região estudada. Estes e outros materiais, assim como a prestação de contas do projeto, serão divulgados no endereço www.observatoriodoturismo.com.

A iniciativa dá origem e sustentação ao tema central da sexta edição do SEHLIPA, que será “Competitividade no setor de Viagens e Turismo: Hospitalidade e Hostilidade entre players do mercado regional”. Até lá, entretanto, serão promovidas diversas ações pré evento, além da implementação do referido projeto de iniciação científica.

Cabe registrar o envolvimento na organização do evento por parte dos pesquisadores do "Observatório de Turismo do Litoral Paulista" (TULIPA), Grupo de Pesquisa formado por docentes do mesmo Campus, que é certificado pelo Conselho Nacional de Pesquisa e Desenvolvimento Tecnológico (CNPq) do Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT) e encontra-se cadastrado no Diretório dos Grupos de Pesquisa no Brasil.

..:: Sobre o SEHLIPA ::..

A primeira edição do SEHLIPA foi realizada no município do Guarujá (2012), o segundo Seminário aconteceu em Praia Grande (2013), a terceira edição do evento foi em São Paulo (2014), a quarta em Santos (2015) e a quinta em Itanhaém (2016).

O público-alvo do projeto é composto por profissionais, empresários e autoridades públicas atuantes no setor de viagens e turismo. O objetivo do SEHLIPA é criar espaço para relacionamento corporativo e geração oportunidades de negócios.


Informações: sehlipa.com | sehlipa.blogspot.com | facebook.com/sehlipa | twitter.com/sehlipa | instagram.com/sehlipa | app.vc/sehlipa

5.09.2016

Estrutura de fiscalização e orientação da atuação profissional em turismo

Por: Aristides Faria

A partir de um recente texto publicado no blog [RH em Hospitalidade], escrito originalmente para subsidiar discussões sobre a formação e atuação profissional em turismo com meus alunos e colegas, surgiram uma série de novas e interessantes reflexões/propostas.

Como é sabido, a profissão do bacharel em turismo é desregulamentada – até aí, sem problemas. Percebo alguma confusão no uso do termo “Turismólogo”. Propus, assim, uma leitura sobre a legislação alusiva ao termo, bem como uma consulta ao portal da Associação Brasileira de Turismólogos e Profissionais do Turismo (citada no texto anterior como Associação Brasileira de Bacharéis em Turismo, sua denominação original).

Bem, neste texto, então, parto de um ponto mais adiante, que seria a implementação de uma entidade de classe oficial, tal qual um Conselho Federal de Turismo ou organismo congênere. Busquei algumas referências em áreas com as quais possuo contato: Relações Públicas (Decreto-Lei nº 860, de 11 de setembro de 1969) (link) e Corretores de Imóveis (Lei nº 6.530, de 12 de maio de 1978) (link).

Há que se considerar as diferenças e peculiaridades entre estas profissões e, sobretudo, o contexto histórico de quando estes atos do poder público passaram a vigorar e o momento de mercado atual (2016). Meu olhar está focado nas atribuições destes organismos paraestatais.

Em uma adaptação livre, talvez o Conselho Federal de Turismo, poderia ser constituído em uma “autarquia de personalidade jurídica de direito público, com autonomia técnica, administrativa e financeira, vinculada ao Ministério do Turismo”.

Em relação às atribuições deste conselho profissional não estaria a regulação do exercício da profissão de bacharel em turismo, mas, por exemplo, a execução da fiscalização de que trata a Lei Geral do Turismo (LGT; Lei nº 11.771/2008) (link).

Penso que o âmago deste conselho profissional proposto possa estar resumido no Artigo 35 da LGT, o qual transcrevo a seguir:

Art. 35.  O Ministério do Turismo, no âmbito de sua competência, fiscalizará o cumprimento desta Lei por toda e qualquer pessoa, física ou jurídica, que exerça a atividade de prestação de serviços turísticos, cadastrada ou não, inclusive as que adotem, por extenso ou de forma abreviada, expressões ou termos que possam induzir em erro quanto ao real objeto de suas atividades.

O Conselho Federal de Turismo, por meio das entidades regionais associadas, poderia, então, operacionalizar o Cadastur (link) e o SBClass (link)? Este Conselho poderia assessorar ao Ministério do Turismo na tomada de decisão sobre a aplicação de recursos do Fundo Geral do Turismo (Fungetur), nos termos do Artigo 19 da Lei Geral do Turismo?

Talvez suas respostas tenham sido “sim”! Veja, então, que o já existente Instituto Brasileiro do Turismo (EMBRATUR) possui atribuições tangentes às que citei!

Leia o Artigo 2º da Lei nº 8.181, de 28 de março de 1991 (link), que alterou a redação do Decreto-Lei n° 55, de 18 de novembro de 1966 (link), que criou a EMBRATUR:

“A EMBRATUR, autarquia vinculada ao Ministério do Esporte e Turismo, tem por finalidade apoiar a formulação e coordenar a implementação da política nacional do turismo, como fator de desenvolvimento social e econômico” (redação dada pela Medida Provisória nº 2.216-37, de 31 de agosto de 2001 (link).

Notou alguma semelhança com minha sugestão para um pretenso Conselho Federal de Turismo?

Talvez a discussão seja menos profunda que um pires, ou seja, as soluções podem já estar postas e nós ainda não as identificamos com clareza.

Concluo este pequeno texto com ainda mais questionamentos, já que avançamos muito nos últimos anos – sobretudo desde a criação do Ministério do Turismo em 2003 – e temos muito mais a vencer para tornamos o Brasil um país competitivo no setor de viagens e turismo, com um ambiente institucional e legislativo sólidos e que representem segurança a investidores e consumidores.

Um forte abraço!

Sucesso sempre,

Aristides Faria

..:: Sobre o autor ::..

Prof. Me. Aristides Faria Lopes dos Santos, Docente do Curso Superior de Tecnologia em Gestão de Turismo do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Estado de São Paulo (Campus Cubatão).

Diretor de Comunicação da Associação Brasileira de Bacharéis em Turismo do Estado de São Paulo (2009-2010; 2011-2012). Membro do Conselho Deliberativo da Associação Brasileira de Recursos Humanos do Estado de São Paulo (2010-2012; 2013-2015).

Doutorando e Mestre em Hospitalidade pela Universidade Anhembi Morumbi (2013-2015), MBA em Gestão de Projetos pela Universidade Católica de Santos (2011), Especialista em Gestão de Recursos Humanos pela Universidade Federal de Santa Catarina (2003) e Bacharel em Turismo pela Universidade do Sul de Santa Catarina (2000-2002).

5.04.2016

RH em Hospitalidade realiza V SEHLIPA e anuncia sexta edição do evento

A cidade de Itanhaém sediou a quinta edição do Seminário de Hospitalidade do Litoral Paulista (SEHLIPA), cujo tema central foi “Gestão Pública Municipal do Turismo”.

O evento tem reunido anualmente profissionais do setor de viagens e turismo para discutir tendências e propostas para o desenvolvimento do turismo regional no litoral paulista. O SEHLIPA | Itanhaém 2016 contou com o apoio da associação comercial local, que recebeu os participantes desta quinta edição em suas instalações.

Palestraram no evento, além do idealizador e promotor do SEHLIPA, Aristides Faria, o Prof. Dr. Thiago Rodrigues Schulze (IFSP Campus Cubatão), Emerson dos Santos Lopes (Prefeitura Municipal do Guarujá), Victor Panchorra (“Sobreviver em Santos”), Alan Guizi (UFPR), Sergio França (IPECS), Diego Brígido (Revista Nove Cidades) e Mauricio Campina.


..:: Álbum por Rubens Cocuroci ::..

 
 
 
 
 
 

RH em Hospitalidade realiza V SEHLIPA e anuncia sexta edição do evento

Seminário de Hospitalidade completa cinco anos e sua sexta edição será em Cubatão, no mês de abril do próximo ano.

A cidade de Itanhaém sediou a quinta edição do Seminário de Hospitalidade do Litoral Paulista (SEHLIPA), cujo tema central foi “Gestão Pública Municipal do Turismo”.

O evento tem reunido anualmente profissionais do setor de viagens e turismo para discutir tendências e propostas para o desenvolvimento do turismo regional no litoral paulista. O SEHLIPA | Itanhaém 2016 contou com o apoio da associação comercial local, que recebeu os participantes desta quinta edição em suas instalações.

Palestraram no evento, além do idealizador e promotor do SEHLIPA, Aristides Faria, o Prof. Dr. Thiago Rodrigues Schulze (IFSP Campus Cubatão), Emerson dos Santos Lopes (Prefeitura Municipal do Guarujá), Victor Panchorra (“Sobreviver em Santos”), Alan Guizi (UFPR), Sergio França (IPECS), Diego Brígido (Revista Nove Cidades) e Mauricio Campina.


..:: Álbum por Katia Doenz ::..

 









 

5.02.2016

RH em Hospitalidade realiza V SEHLIPA e anuncia sexta edição do evento

Seminário de Hospitalidade completa cinco anos e sua sexta edição será em Cubatão, no mês de abril do próximo ano.

A cidade de Itanhaém sediou a quinta edição do Seminário de Hospitalidade do Litoral Paulista (SEHLIPA), cujo tema central foi “Gestão Pública Municipal do Turismo”.

O evento tem reunido anualmente profissionais do setor de viagens e turismo para discutir tendências e propostas para o desenvolvimento do turismo regional no litoral paulista. O SEHLIPA | Itanhaém 2016 contou com o apoio da associação comercial local, que recebeu os participantes desta quinta edição em suas instalações.

Palestraram no evento, além do idealizador e promotor do SEHLIPAAristides Faria, o Prof. Dr. Thiago Rodrigues Schulze (IFSP Campus Cubatão), Emerson dos Santos Lopes (Prefeitura Municipal do Guarujá), Victor Panchorra (“Sobreviver em Santos”), Alan Guizi (UFPR), Sergio França (IPECS), Diego Brígido (Revista Nove Cidades) e Mauricio Campina.

Confira em breve, as primeiras imagens do evento!!

..:: SEHLIPA | Cubatão 2017 ::..

Cubatão (SP) foi escolhida sede da sexta edição do SEHLIPA, que acontecerá em abril de 2017 em alusão ao mês de aniversário daquela cidade.

Além do protagonismo na economia regional, a cidade possui fortes aspectos que caracterizam o potencial do Ecoturismo e configura-se como cidade-elo de ligação entre os municípios da Região Metropolitana da Baixada Santista e entre o litoral e a capital paulista.

Fato curioso é que cidade sediou a Associação Educacional Litoral Santista (AELIS), cuja Faculdade de Turismo do Litoral Santista, criada no início dos anos de 1970, foi o segundo curso superior em turismo mais antigo do país.

Atualmente, é sede de campus do Instituto Federal de Educação, Ensino e Tecnologia do Estado de São Paulo (IFSP), que oferece o Curso Superior de Tecnologia em Gestão de Turismo, sob Coordenação do Prof. Dr. Thiago Rodrigues Schulze.

..:: Sobre o SEHLIPA ::..

A primeira edição do SEHLIPA foi realizada no município do Guarujá (2012), o segundo Seminário aconteceu em Praia Grande (2013), a terceira edição do evento foi em São Paulo (2014), a quarta em Santos (2015) e a quinta em Itanhaém (2016).

O público-alvo do projeto é composto por profissionais, empresários e autoridades públicas atuantes no setor de viagens e turismo. O objetivo do SEHLIPA é criar espaço para relacionamento corporativo e geração oportunidades de negócios.

Informações: sehlipa.com | sehlipa.blogspot.com | facebook.com/sehlipa | twitter.com/sehlipa | instagram.com/sehlipa | app.vc/sehlipa

5.01.2016

Mensagem do Relações Públicas Victor Panchorra sobre sua palestra no V SEHLIPA, em Itanhaém (SP)

Instituto Tecnológico de Eventos renova certificações do SEHLIPA


O Instituto Tecnológico de Eventos (INTEV) avaliou o projeto do Seminário de Hospitalidade do Litoral Paulista (SEHLIPA) em 2015, tendo titulado o evento com as certificações de “Qualidade” e “Sustentabilidade”.

Os certificados foram entregues ao término da quarta edição do SEHLIPA pelo diretor presidente do Instituto, Sr. Armando Zogbi (foto), quem apresentou aos participantes as ações propostas e desenvolvidas pelo INTEV e reiterou a importância da parceria com o Seminário também.

O jovem Instituto é liderado pelo empresário Armando Zogbi, que assume o cargo de diretor executivo do INTEV desde sua fundação. Esse experiente profissional é Graduado em Organização e Gestão de Eventos - Universidade Anhembi Morumbi, Pós-graduado em Tecnologias de Educação à Distância, atua no mercado de eventos desde 1982.

É, também, Especialista em eventos corporativos e negócios em eventos, tem experiência como organizador e promotor de eventos nacionais e internacionais, tendo atuado em mais de 500 realizações, atendendo empresas, instituições públicas e privadas, associações e entidades de classe. Professor nos cursos de Graduação e Pós-Graduação lato sensu em Eventos, palestrante e consultor. Diretor da Mult Art Marketing e Eventos.

INTEV confirmou presença na quinta edição do Seminário de Hospitalidade do Litoral Paulista, quando as certificações serão renovadas após a conclusão do evento e entrega do projeto à entidade certificadora.

..:: Sobre o INTEV ::..

Instituto Tecnológico de Eventos (INTEV) foi criado com o objetivo principal de promover a realização de eventos com criatividade, inovação, tecnologia, qualidade, segurança e sustentabilidade, capacitando novos profissionais, apoiando novos empresários, prestando serviços e transferindo-os, através das suas competências, ao poder público, à iniciativa privada e à sociedade. 

Para conhecer os demais membros que compõem a diretoria do Instituto Tecnológico de Eventos visite o website da entidade (http://www.intev.com.br/) e acompanhe as novidades por meio do Facebook (https://www.facebook.com/institutotecnologicodeeventos).

..:: Sobre o SEHLIPA ::..

O projeto do SEHLIPA foi criado e lançado no ano de 2011. A primeira edição do evento foi realizada no município do Guarujá (2012), o segundo Seminário aconteceu em Praia Grande (2013), a terceira edição do evento foi em São Paulo, em abril de 2014, e a quarta aconteceu em Santos (2015).

O público-alvo do projeto é composto por profissionais, empresários e autoridades públicas atuantes no setor de viagens e turismo. O objetivo do SEHLIPA é criar espaço para relacionamento corporativo e geração oportunidades de negócios.

Informações: sehlipa.com | sehlipa.blogspot.com | facebook.com/sehlipa | twitter.com/sehlipa | instagram.com/sehlipa | app.vc/sehlipa

..:: Serviço ::..

Seminário de Hospitalidade | Itanhaém 2016
Data: 2 de maio (segunda-feira)
Horário: 17h às 21h00
Local: Associação Comercial de Itanhaém (Av. Presidente Vargas, 757. Centro)
Inscrições: http://goo.gl/tjOlGj

III Festival Gastronômico de São Vicente (SP)

III FESTIVAL GASTRONÔMICO DE SÃO VICENTE
Pratos ou porções no valor de R$ 44,90 | 01 a 31 de maio de 2016

III Festival Gastronômico de São Vicente tem como objetivo promover a qualidade e a diversidade da gastronomia vicentina, dando destaque aos produtos e a cultura da região A iniciativa é da Secretaria de Esportes, Turismo e Lazer de São Vicente, em parceria com o Conselho Municipal de Turismo – COMTUR SV, com apoio do SinHoRes, Santos e Região Convention and Visitor Bureau,  Associação Comercial de São Vicente, Hotel Mont Rey e Foto Clube São Vicente.

Esta edição acontecerá nos 20 estabelecimentos participantes no período de 01 a 31 de Maio 2016, e serão oferecidos um prato salgado ou porção por R$ 44,90. As reservas deverão ser feitas com 24 horas de antecedência.

As novidades deste ano, além de aumentar o número de participantes, são: a diversidade de estabelecimentos que abrange restaurantes, quiosques e pizzarias, e a variedade de pratos e porções com base na culinária caiçara.

Os participantes são: Ao Mirante Restaurante e Bar, Brunelli Hotel e Restaurante, Buona Cia Pizzaria, Buteco do Chef, Cabral Restaurante e Cervejaria, China Gourmet, Deck Praia Restaurante e Chopperia, Dina Comidas Típicas, Kiosque Pretinha, Luli Bar e Restaurante, Marina Dona Rosa, Marrocos Restaurante e Lanchonete, , Niô Sushi e Temakeria, Quiosque Café Lounge da Praia, Quiosque da Cris, Quiosque do Careca, Quiosque Marllon lanches, Ti Maria Restaurante Pizzaria & Chopperia, Tigo Migo Batatas Recheadas e Torre Praia Restaurante

Informações sobre o evento, programação paralela, fotos dos estabelecimentos e pratos/porções no Bloghttp://festivalgastronomicosv.blogspot.com ou Fan Pagehttp://www.facebook.com/festivalgastronomicosv

..:: [Serviço] ::..

Secretaria de Esportes, Turismo e Lazer de São Vicente
Avenida Nações Unidas, 1750 - Esplanadas dos Barreiros
Telefone: (13) 3566-8463