Translate this blog

Pesquisar este blog

5.13.2009

Experiências em EaD: Pontos fortes e fracos

Por: Aristides Faria & Lucas Siqueira

Parece até infantil abordar a EaD em nossa coluna a partir do prisma de “pontos positivos” versus “pontos negativos”. Ainda mais que acabaríamos por tender ao lado bacana deste processo de ensino e aprendizagem.

Aristides Faria: Recentemente recebi um anúncio de um curso oferecido nesta modalidade. O que me chamou a atenção não foi o conteúdo – não que seja ruim, mas talvez o tema não interessasse –, mas as observações que seguiam a mensagem, em seu final.

Inicialmente me perguntei se aquelas informações eram tão pouco importantes para ficarem lá no final. Depois me perguntei se estamos chovendo no molhado com o desenvolvimento de uma coluna semanal que busca comentar e discutir justamente as possibilidades e fragilidades da EaD.

Não alcancei conclusão alguma. Assim, gostaria de compartilhar com meu amigo e parceiro Lucas Siqueira. Antes, vou fazer algumas considerações acerca das referidas informações:

O curso acontece num Ambiente Virtual de Aprendizagem. Este promove a interatividade entre os participantes, através de suas ferramentas de comunicação (chat, e-mail, fórum, grupos, etc): muito interessante perceber a atenção que este pessoal deu a questão da interatividade. E por ser a primeira da lista, penso que seja uma prioridade. Ótimo!

O curso é totalmente online, sem a necessidade de momentos presenciais: perfeito! É o que se espera de um curso remoto. Contudo, sugeriria a formação de grupos regionais ou locais para que acontecessem encontros para networking presencial. Sei que isso nem sempre é viável, mas, para quando for, fica a dica!

Todo o material é encontrado no ambiente virtual de aprendizagem, sendo possível fazer download para o seu computador para impressão ou leitura off line: show de bola! Não há necessidade de envio, postagem ou despacho de material didático, ao menos quando este prescindir de qualidade diferenciada de impressão ou visualização, por exemplo. Eu apenas inseriria mensagem: “antes de imprimir pense em sua responsabilidade ambiental”!

O curso online caracteriza-se pela sua flexibilidade nos horários, sendo o estudante a organizar o seu tempo para melhor estudar: tranqüilo, não é? Este conceito é de fácil percepção e deve mesmo ser promovido!

Você será acompanhado por um tutor do princípio ao fim do curso, para orientar-lhe em todo o processo de aprendizagem. Também contará com o suporte para ajudar-lhe em suas dificuldades técnicas: enquanto Tutor Conteudista e Professor, gostaria que esta estivesse no topo da lista, inclusive com link para o currículo com foto da pessoa que acompanhará meu desenvolvimento. Mas, sem problemas!

Ao final do curso, tendo cumprido as atividades avaliativas, receberá o certificado de participação pelos Correios: um bom e velho arquivo no formato PDF disponível para download resolveria a questão.

Compartilhe você também suas impressões!

Lucas Siqueira: Por mais que defendamos a EaD, é importante ressaltar que não a consideramos uma panacéia, existem cursos e áreas que devem ser completamente presenciais. Porém, em outras áreas a EaD é uma solução muito pertinente, é evidente que o objetivo desta coluna é divulgar a EaD como ferramenta de aprendizagem colaborativa.

Abaixo seguem minhas impressões sobre as vantagens descritas no anúncio:

O curso acontece num Ambiente Virtual de Aprendizagem. Este promove a interatividade entre os participantes, através de suas ferramentas de comunicação (chat, e-mail, fórum, grupos, etc): Sem um Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA), o curso, no meu ver, não conseguirá atingir os seus objetivos se não existir esta interatividade entre seus participantes, não é porque é um curso a distância que temos que estudar isolados.

O curso é totalmente online, sem a necessidade de momentos presenciais: Não sei do conteúdo do curso. Mas em EaD é necessário definir claramente quais cursos necessitam de momentos presenciais e quais não. No meu caso, sou estudante de uma Pós-Graduação Lato Sensu, os encontros presencias são fundamentais.

Todo o material é encontrado no ambiente virtual de aprendizagem, sendo possível fazer download para o seu computador para impressão ou leitura off line: Outro tópico onde é necessário analisar se é necessário. Muitas pessoas ainda possuem uma certa resistência em relação a materiais em formato eletrônico. Na minha especialização existem apostilas com mais de 150 páginas, ler esse material em um monitor pode ser um tanto quanto cansativo.

O curso online caracteriza-se pela sua flexibilidade nos horários, sendo o estudante a organizar o seu tempo para melhor estudar: Um dos princípios da EaD, e talvez aquele que seja mais atrativo, afinal quem não quer liberdade nos horários para poder estudar, afinal , quem busca um curso em EaD, na maioria dos casos não possui muito tempo disponível pra se encaixar em um curso presencial com horários fixos

Você será acompanhado por um tutor do princípio ao fim do curso, para orientar-lhe em todo o processo de aprendizagem. Também contará com o suporte para ajudar-lhe em suas dificuldades técnicas: Conhecer o seu tutor previamente é fundamental , afinal será ele a pessoa que irá movimentar o AVA, tirando dúvidas, promovendo debates, todos eles no sentido de enriquecer e agregar valor ao aprendizado.

Ao final do curso, tendo cumprido as atividades avaliativas, receberá o certificado de participação pelos Correios: Concordo com o meu amigo Aristides que um certificado em PDF, resolveria a questão. Entretanto, penso que há casos em que um certificado em impresso em papel A4 e de gramatura maior tenha mais credibilidade.

Clique aqui e conheça a proposta de educação à distância do [RH em Hospitalidade].
Postar um comentário