Translate this blog

Pesquisar este blog

11.18.2008

Quanto custa perder uma marca?

Por: Rudinei R. Modezejewski - E-Marcas

É engraçada a reação das pessoas quando entrego meu cartão de visitas, ao lerem “E-Marcas” a primeira reação é dizer “eu já tenho marca registrada”, como uma defesa, como se eu fosse um predador e eles a caça.

Claro que a maioria não tem sequer um pedido de registro, quanto mais a “marca registrada”, mas tem medo da abordagem e da exposição, de admitirem que estão desprotegidos – já me acostumei com essa realidade.

Mas esquisita mesmo é a afirmação que alguns fazem: “se der problema eu mudo de marca”. Parece fácil, uma coisa corriqueira: se não dá certo ir pela esquerda, vamos pela direita e pronto!

Então vamos analisar friamente a questão e pelo ponto que realmente interessa: QUANTO CUSTA MUDAR DE MARCA?

Se tiver que mudar de marca, muitas vezes terá que alterar a Razão Social na Junta Comercial e na Receita Federal (CNPJ), isso através de um contador, folha timbrada, cartões de visita, notas fiscais, pastas, pintura dos veículos, etc... mudamos também a fachada da empresa, se for pintada gasta-se uns R$ 500,00 ou R$ 600,00 mas se tiver aqueles back lights ou coisa assim, o custo pode chegar a 4, 5 mil.

Anúncio na lista telefônica? Só no próximo ano! E para avisar todos os clientes que mudou de nome? Mesmo assim, ainda tem uma coisa que não consideramos: PROCESSO JUDICIAL.

Se você tiver que mudar de marca, provavelmente é porque já existe outra empresa que tem essa marca registrada e, segundo a lei 9.279, essa empresa pode exigir uma indenização por você ter usado a marca deles, sem autorização, essa indenização geralmente fica entre 3 e 5% do faturamento bruto dos últimos 5 anos.

Mas torça para que eles também não peçam indenização por dano moral e material, além de desvio de clientela, porque se fizerem isso o prejuízo pode ser bem maior!

O registro da marca garante, antes de tudo, a possibilidade de usar a marca tranqüilamente, sem correr o risco de, da noite para o dia, ter que mudar de nome e ainda pagar indenização para alguém.

Alguns empresários acham que o registro de marca só serve para você impedir alguém de usar sua marca, mas serve também para não ser impedido e isso é muito mais importante!

Se você faz seguro do carro, da casa, tem plano de saúde, etc... Por quê não protege a marca da sua empresa que, provavelmente, é de onde sai o dinheiro para pagar o carro, a casa e até o seguro? Não é lógico?
Postar um comentário