Translate this blog

Pesquisar este blog

2.20.2008

Mediação de conflitos: assédio moral. E agora?

Olá pessoal!

Gostaria de publicar uma matéria sobre um tema bastante polêmico: Assédio Moral. O texto começa bem quando escreve que "é um círculo vicioso". Crescimento >> Pressão >> Mais pessoas menos preparadas e qualificadas >> Imposições e humilhações... pronto, feito o quadro. O autor ainda apimenta com o "oportunismo de advogados"... Será?!

"É um círculo vicioso. À medida que aumenta a cobrança por resultados, cresce o número de casos de assédio moral no universo corporativo. Segundo especialistas, embora não haja nenhum tipo de controle oficial sobre a questão, esse aumento deve girar em torno de 10% ao ano. Em São Paulo, 300 mesas-redondas foram promovidas pela Delegacia do Trabalho para conciliação entre funcionários e empresas somente entre janeiro e setembro deste ano - em oito meses já ocorreu praticamente a metade do total registrado no período entre 2004 e 2006.

No escritório paulista de advocacia Tozzini Freire, há atualmente 200 processos ativos envolvendo casos de assédio moral. No Rio Grande do Sul, a situação não é diferente. De 2003 a 2006 houve um aumento de 400% no número de denúncias. Segunda a advogada Sônia Mascaro Nascimento, presidente da Comissão de Defesa da Advocacia Trabalhista da Ordem dos Advogados do Brasil/SP, em cerca de 50% das ações trabalhistas hoje no Brasil constam aspectos de assédio moral e, de cada dez veredictos, sete, em média, são favoráveis aos funcionários".

Artigo completo: http://revistavocerh.abril.com.br/especial/cerco.shtml
Postar um comentário